Pai

Não importa se foi pouco o tempo que passamos juntos.
O que importa é que em tão pouco tempo tanto aprendizado tive.

Não importa se foi difícil superar a dor da sua perda e a saudade. 
O que importa  é  que  se algumas lágrimas ainda se vertem ante a falta física do seu  sorriso, do seu abraço , de uma palavra sua,  essas nunca serão suficientes para apagar as doces lembranças .

Pois é, um dia você se foi.
Todavia, com a  sua ausência, a compreensão da dimensão do ser eterno.
 É todo dia, toda hora; apesar de invisível,   continuamos juntos; sinto-o presente, dentro de mim, feliz...

[Feliz Dia dos Pais!]
°
[ repaginada, qualquer semelhança com fatos ou pessoas é uma mera coincidência, ou não!]
°
O dinâmico ambiente da blogosfera produz sempre leitores novos e eventuais. 
Na realidade do momento - e há muito,  "salvo  especiais exceções, disponibilidade e vontade" -  este blogueiro-autor-blog não está interagindo/reciprocando pela blogosfera/redes afora.
As publicações continuam sendo efetuadas e o formulário de comentário continua ativo
°

Obrigado,

Comentários

Descer Página
  1. Meu pai se foi em 2004 e ainda dói muito a sua ausência. Bela postagem, Felis. Bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  2. Linda homenagem e é uma data em que sempre nos visita a saudade!

    abraços, chica

    ResponderExcluir
  3. Saudades do meu ... Feliz de quem ainda os tem ... Felicidades amigo

    Beijão

    ResponderExcluir
  4. Meu poeta lindo, o meu pai foi embora bem novo, com 47 anos
    lembro do rosto táo bonito e das palavras perfeitas ,qto tempo
    sem ele 1976......a saudade é grande apesar do tempo
    Bjuss com meu carinho!

    ResponderExcluir
  5. Uma data que nada significa para aqueles que necessitam de um dia para relembrar... Já para nós que recebemos carinho, bons exemplos, as 'doces lembranças' fixam-se em nossas mentes eterna e diariamente.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Olá kirido,
    Vim deixar-lhe um abraço pelo Dia dos Pais. Parabéns!
    A saudade sempre estará presente nos corações daqueles que já não podem festejar a data com a presença física dos pais. É o meu caso também.
    Como você sabe, interrompi as interação há algum tempo e, por isso, tenho lido os amigos silenciosamente, sem deixar comentário, salvo exceção ditada por algum motivo especial.
    Toda a felicidade do mundo para você
    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. Bom dia Felisberto. Um dos poemas mas lindo que tive um prazer de ler em homenagem ao seu Pai ausente . Realmente a saudades e a falta dos atingem a todos que não tem mas a presença física no Pai. Mesmo atrasada estou deixando um grande abraço meu amigo do dias dos Pais. Grande abraço.

    ResponderExcluir
  8. Bonita e sentida homenagem!
    Aqui, é em março.
    Votos de uma semana feliz!
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi, Felis, como vai?
    Linda homenagem, percebo que apesar de sempre ficar o desejo de ter convivido com ele mais tempo, as lembranças que tem dele se perpetuam como as melhores. Pessoas que deixam como legado lembranças felizes são sempre pessoas especiais, e tenho certeza que isso se reflete em você.
    Grande abraço e parabéns por seu dia!

    PS: sim, estou usando meu nome real e minha foto completa também na blogosfera, srrsrsrs, a Bia foi absorvida, rsrsr! ;)

    ResponderExcluir
  10. Oi Felis, que linda homenagem aos queridos papais!
    Eu ainda tenho muita sorte de tê-lo ao meu lado e agradeço cada dia por isso!
    Mas sei que eles não são eternos...Por isso, aproveito cada instante ao lado dele!

    Sua homenagem é linda e emocionante!! Fiquei encantada com palavras tão lindas!!

    Fica bem, querido amigo!! Cuide-se muito!!
    Beijos e uma semana muito especial!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Subir Página